MP apoiará criação de fundo de enfrentamento à violência contra a mulher na Bahia

A procuradora-geral de Justiça Ediene Lousado ofereceu o apoio do Ministério Público do Estado da Bahia à criação do Fundo Estadual de Enfrentamento à Violência Contra as Mulheres, que visa fortalecer a política estadual de enfrentamento à violência e o combate ao feminicídio. A definição foi feita em reunião realizada na manhã desta quinta-feira, dia 16, na sede do MP, com a deputada estadual Fabíola Mansur e a coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Defesa dos Direitos Humanos (Caodh), promotora de Justiça Márcia Teixeira. O projeto encontra-se sob análise do governador Rui Costa.

A indicação de criação do fundo tramitou na Assembleia Legislativa da Bahia em 2015 e, no início deste ano, foi proposto que ele fosse batizado com o nome da estudante Eva Luana, que foi vítima de uma série de agressões, estupro e tortura no município de Camaçari, caso que comoveu todo o país. Segundo a deputada Fabíola Mansur, a criação do fundo possibilitará a ampliação da rede de serviços para as mulheres, como a prestação de assistência às vítimas, campanhas de prevenção e medidas pedagógicas, além de ações de apoio e acolhimento as mulheres violentadas, como as casas de abrigo e novas delegacias especializadas.

 

Fonte: NoticiaLivre

 

Homem mata casal por dívida de R$ 500 no interior da Bahia

Um homem matou um casal em Itapetinga, no interior da Bahia, por conta de uma dívida de R$ 500, referente à venda de uma motosserra.Daniel Nunes de Souza, de 19 anos, foi preso poucas horas depois de assassinar Gervásio Moreira de Castro e Miriam Partenostro Ferreira Castro, na noite da última segunda-feira. De acordo com a Polícia Civil, Gervásio não cumpriu o prazo para pagar pela compra da ferramenta. Daniel confessou o crime após ter sido detido e levado à delegacia da região.

De acordo com a corporação, Daniel procurou Gervásio no distrito de Itaimbé, na zona rural de Potiraguá, e pediu para que ele lhe desse uma carona até a região de Teixeira do Progresso, na cidade vizinha Mascote. Durante o caminho, o criminoso pediu que a vítima parasse para checar um pneu. Foi então que o jovem o atacou com um facão, golpeando-o várias vezes na cabeça e, depois, levando seu corpo para um matagal, às margens da estrada.

A Polícia Civil informou que, após o crime, Daniel voltou para Itaimbé e foi até a casa de Gervásio, onde encontrou Miriam e a estrangulou. O criminoso teria entrado na residência alegando que fora buscar uma motosserra a pedido do marido da mulher. Daniel fugiu do imóvel com o celular da vítima e a ferramenta elétrica. O homem foi detido poucas horas depois e confessou os detalhes do crime na delegacia. Segundo a polícia, ele será encaminhado para audiência de custódia.

AMBULÂNCIA DE RIACHÃO DO JACUÍPE TOMBA NA BA-120 APÓS SER ATINGIDA POR CARRO DA SECRETARIA DE SAÚDE DE VALENTE-BA

Uma ambulância capotou após ser atingida na traseira por um carro pertencente a Secretaria de Saúde da cidade de Valente, na tarde desta segunda-feira (13), no trecho da rodovia BA-120 que liga os municípios de Riachão do Jacuípe e Conceição do Coité, na região nordeste da Bahia.
 
O Notícias de Santaluz apurou que os veículos seguiam no sentido Riachão do Jacuípe quando uma pessoa atravessou na frente da ambulância. Após o condutor frear o veículo, o motorista do carro que levava pacientes de Valente para Salvador e que vinha logo atrás, não conseguiu desviar e atingiu a traseira da ambulância, que saiu da pista e capotou.
 
 
Ainda de acordo com as informações apuradas, os ocupantes do carro não sofreram ferimentos e vão seguir viagem para a capital baiana em outro automóvel enviado ao local pela prefeitura de Valente.
 
Até a publicação desta reportagem não havia informações sobre os ocupantes da ambulância, que seria de Riachão do Jacuípe. Entretanto, a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) informou que não houve vítimas fatais no acidente.

Grupo chinês confirma investimento de R$ 1 bi em energia renovável na Bahia

Garantia foi dada pelo presidente da CGN Energy International Holdings

O governador Rui Costa, anunciou na noite de ontem (14), por meio das redes sociais, que a empresa chinesa CGN Energy International Holdings investirá R$ 1 bilhão em energia solar e eólica na Bahia.

A garantia foi dada pelo presidente da companhia, Zeng Qi Bo, durante encontro com o gestor na cidade de Shenzen.

É o último dia da missão do governo do estado no país asiático. 

"Uma notícia maravilhosa. Um investimento de R$ 1 bilhão em energia eólica e energia solar na Bahia, na região de Caetité, Tanque Novo, em Morrinhos e Bom Jesus da Lapa. Estamos voltando hoje para o Brasil ainda mais alegres do que saímos, com tantos investimentos que estamos levando para a Bahia", disse Rui, em vídeo publicado nas redes.

No final de junho, diretores da empresa vão fazer uma solenidade para detalhar esses investimentos no estado.

 

Secretário é preso em ação contra esquema na Câmara de Ilhéus; dois vereadores estão foragidos

O ex-vereador e secretário municipal de Agricultura de Ilhéus, Valmir Freitas, e dois empresários foram presos ontem (15) na Operação Xavier, deflagrada pelo Ministério Público estadual, em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), no sul do estado.

Eram sete mandados de prisão e outros quatro suspeitos estão foragidos. Os executivos envolvidos tinham empresas que prestavam serviços terceirizados de organização das licitações e de contabilidade à Câmara Municipal de Ilhéus.

Segundo a investigação, as empresas eram responsáveis pelas fraudes em licitações que geraram contratações direcionadas de outras empresas pré-selecionadas.

Os valores dos contratos, por sua vez, eram superfaturados e uma parte deles era destinada como propina a vereadores que ocuparam a presidência do parlamento municipal no período investigado.

Estão foragidos dois vereadores, ambos ex-presidentes da Câmara Municipal de Ilhéus, e dois servidores da Casa Legislativa. 
 
A operação também cumpriu dez mandados de busca e apreensão. Foram apreendidos documentos e aparelhos eletrônicos. Conforme as investigações, a fraude foi operada entre os anos de 2001 e 2018. São investigados crimes contra a administração pública, fraudes em licitações e contratos e lavagem de dinheiro.

Ginecologista é acusado de abusar de 20 mulheres na Bahia

Mais de 20 mulheres relataram ter sido vítimas de abuso sexual por parte de um médico ginecologista e obstetra durante consultas, na cidade de Vitória da Conquista, na região sudoeste da Bahia. O caso foi denunciado à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e à Polícia Civil, que instaurou inquérito para apurar a situação.

As denúncias começaram a surgir na última sexta-feira (10), depois que um perfil foi criado no Instagram por uma pessoa, que não se identificou, que relatou um caso de abuso por parte do médico Orcione Júnior, que atende nas redes pública e privada da cidade.

Depois desse primeiro relato, várias outras vítimas denunciaram ter passado pela mesma situação. Os crimes teriam ocorrido no consultório do médico, entre 2018 e 2019. A defesa do médico disse que ele nega as acusações.

Na última segunda-feira (13), as mulheres procuraram a OAB solicitando uma audiência com representantes do órgão. “Vinte e quatro mulheres procuraram a OAB com a narrativa, repetindo o que estava nas redes sociais, e pedindo que a OAB tomasse providência. A OAB formalizou esse pedido, todas elas assinaram e, a partir desse momento, a OAB oficiou a autoridade policial, que foi a Delegacia da Mulher, através da doutora Decimária Gonçalves, pedindo providências”, disse a presidente da Comissão Mulher Advogada da OAB, Luciana Santos Silva.

“Temos notícia que o inquérito já foi instaurado. Então, já estão investigando e algumas mulheres, inclusive, já foram ouvidas. Pelo que a gente leu, sobretudo nas redes sociais e com as falas de algumas mulheres lá na OAB, a gente pode vislumbrar, sem dar tanta certeza, porque ainda tem uma investigação em curso, o crime de importunação sexual mediante fraude”, completou.

A delegada Decimária Gonçalves, da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) de Vitória da Conquista, informou que, ainda na segunda-feira, foi aberto uma Investigação Pública Incondicionada, que não necessita de depoimento de vítima, porque na ocasião nenhuma mulher ainda tinha comparecido à unidade para relatar o caso.

Nesta quarta-feira, no entanto, as vítimas começaram a comparecer à delegacia para prestar depoimento, informou a polícia. Ainda não há informações sobre quantas mulheres já foram ouvidas pela Polícia Civil.

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) informou, nesta quarta, que está acompanhando o caso e aguarda a conclusão do inquérito por parte da Polícia Civil para decidir, com base nos autos, se vai ou não oferecer denúncia contra o suspeito.

O advogado de defesa médico Orcione Júnior, Paulo de Tarso, informou que o profissional nega todas as acusações. O advogado disse, ainda, que o cliente vai conceder uma entrevista coletiva à imprensa, na sexta-feira (17), para dar sua versão sobre o caso.

Assinar este feed RSS

Mapa de Seções

Entretenimento

Notícias Locais

Sobre Nós

Nos Siga

×

Se inscreva e fique por dentro!

Seja o Primeiro a saber quando anunciarmos uma promoção

Check out our Privacy Policy & Terms of use
You can unsubscribe from email list at any time