Vitoria

Vitória anuncia contratação de Osmar Loss

O Vitória já tem um novo treinador. Osmar Loss foi anunciado na manhã desta terça-feira pelo presidente do clube, Paulo Carneiro, através de sua conta no Twitter. O novo treinador do Vitória inicia os trabalhos na tarde desta terça-feira. De acordo com o presidente do clube, ele chega apenas com um auxiliar técnico. Na segunda, o Rubro-Negro já havia acertado o retorno do preparador físico Ednilson Sena.

O Vitória será o quinto clube da carreira de Osmar Loss como treinador profissional. Em 2009, ele foi contratado pelo Juventude, onde ficou por oito meses. Ele comandou a equipe gaúcha por 30 jogos: seis vitórias, 11 empates e 13 derrotas. Em 2015, assumiu o Bragantino após uma parceria da equipe com o Corinthians, onde ficou por três meses. Depois de carreira na base do Corinthians, ele assumiu o time principal em maio do ano passado e foi demitido da função em setembro depois de 25 partidas, com dez vitórias, dez derrotas e cinco empates. Em dezembro, foi contratado pelo Guarani e iniciou a temporada na equipe de Campinas, onde ficou apenas três meses: 12 jogos, sendo quatro vitórias, dois empates e seis derrotas.

Na segunda-feira, em entrevista do GloboEsporte.com, o presidente do Vitória disse que pretendia contratar um técnico com o perfil do clube para substituir Claudio Tencati. De acordo com ele, o novo treinador deveria ser vencedor e identificado com o projeto do Rubro-Negro.

Vitória contrata lateral e volante destaques do Bahia de Feira no Baianão

O Esporte Clube Vitória acertou com dois reforços para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B. O anúncio foi feito pelo presidente Paulo Carneiro esta tarde através da sua conta no Twitter. Os novos contratados são o lateral-direito Van e o volante Gabriel Bispo, destaques do Bahia de Feira no Campeonato Baiano deste ano. Ambos foram especulados pela imprensa como alvos do Bahia, no entanto, a diretoria tricolor negou ter procurado os atletas e afirmou que estava observando alguns jogadores que se destacaram nos Estaduais, sem citar nomes.

Gabriel Bispo, de 22 anos, começou no Vila Nova de Goiás e passou pelo Comercial antes de chegar ao Bahia de Feira, esse ano. Vestiu a camisa do Tremendão 11 vezes e marcou dois gols, um deles na semifinal do Baianão.

Revelado no Colo Colo, o lateral Van, de 28 anos, passou por Flamengo de Guanambí e Atlético de Alagoinhas antes de chegar ao Bahia de Feira em 2018. Esse ano, ele disputou 13 partidas e marcou 1 gol. No total, são 23 jogos pelo Tremendão.

Após decepções e 14 contratações, Vitória passa por remontagem em meio a impasse sobre futuro

Com eleições marcadas para o dia 24 deste mês, clube divulga lista com nove jogadores que não vão ser mais aproveitados; outros já deixaram o Rubro-Negro e mais alguns devem chegar

 

Com menos de quatro meses de temporada e acúmulo de decepções, o Vitória atravessa um momento de reformulação no elenco. Com lista de saídas divulgada nesta sexta, fica claro que o objetivo da diretoria do clube é corrigir o rumo da equipe antes que seja tarde demais. Eliminado no Campeonato Baiano, Copa do Nordeste e Copa do Brasil, o Rubro-Negro só tem a Série B do Campeonato Brasileiro pela frente, o principal objetivo do ano. Tudo isso às vésperas das eleições para o Conselho Diretor.

Do atual elenco, algumas saídas já estão definidas, caso do meia Yago, que prorrogou contrato com o clube e foi emprestado ao Goiás, e do lateral Arroyo, que pediu para ir embora. O atacante Maurício Cordeiro e o lateral-direito Jeferson vão treinar separados dos demais até encontrarem um novo clube. Alguns atletas que tinham vínculos perto do fim não fazem mais parte dos planos, casos dos atacantes Erick e Cleber e dos laterais Juninho e Marcelo Benítez.

Por outro lado, a diretoria do Vitória não informou o que foi definido sobre a situação do centroavante Neto Baiano. Ele tem contrato com o clube até maio e treinou normalmente nesta sexta. A decisão deve ficar a cargo da nova direção do Rubro-Negro.

 

Jogadores contratados pelo Vitória em 2019

 

Zagueiros: Edcarlos, Gabriel, Thales e Victor Ramos;
Laterais: Matheus Rocha, Capa e Fabrício;
Volantes: Leandro Vilela, Wesley e Dudu Vieira;
Meias: Ruy, Andrigo;
Atacantes: Neto Baiano e Felipe Garcia.

Até mesmo quem chegou ao Vitória esse ano vai deixar o clube antes do previsto. Depois de contratar 14 jogadores, o clube vai se desfazer de alguns dos reforços. Os zagueiros Gabriel e Thales e o volante Wesley vão treinar em horário oposto ao grupo principal, uma situação que já havia sido comentada pelo técnico Cláudio Tencati.

- Sabíamos que tinham jogadores que não podem continuar no Vitória e não têm condições de continuar no Vitória. Vamos tratar isso mais diretamente agora. Mesmo aqueles jogadores que têm contrato e não vamos contar. Como vai fazer? Vai treinar à parte. Vou dar foco àqueles jogadores que a gente tem intenção de permanecer – disse o técnico Claudio Tencati em entrevista coletiva nesta semana.

 
Claudio Tencati admitiu que alguns não tinham condição de continuar no Vitória; treinador também não tem permanência garantida — Foto: Maurícia da Matta/Divulgação/EC Vitória
Claudio Tencati admitiu que alguns não tinham condição de continuar no Vitória; treinador também não tem permanência garantida — Foto: Maurícia da Matta/Divulgação/EC Vitória

Mas tudo isso pode mudar completamente. Inclusive a situação de Claudio Tencati. Com eleições para o Conselho Diretor marcadas, o Vitória pode passar por mudanças ainda mais profundas e nem o treinador atual está garantido no cargo, tampouco o gerente de futebol, Alarcon Pacheco. O primeiro turno do pleito está marcado para o dia 24 deste mês, e o clube tem cinco candidatos (veja aquiquem são).

Mesmo com todas essas saídas confirmadas, a nova diretoria vai ter um elenco vasto à disposição. Em 2019, 40 jogadores foram aproveitados ao longo de jogos disputados pelo clube. Vale lembrar que, nas duas primeiras partidas da temporada, o Rubro-Negro atuou com um time sub-23.

A nova diretoria também vai ter opções de contratação. No acordo para o empréstimo de Luan Silva ao Palmeiras, por exemplo, ficou definido que o Rubro-Negro vai ter três jogadores do clube paulista. Ainda não foi definido quem vão ser esses atletas.

 Thales e o ex-diretor de futebol do Vitória, Jorge Macedo. Zagueiro chegou ao clube nesta temporada e não faz mais parte dos planos  — Foto: Maurícia da Mata / Divulgação / EC Vitória
Thales e o ex-diretor de futebol do Vitória, Jorge Macedo. Zagueiro chegou ao clube nesta temporada e não faz mais parte dos planos — Foto: Maurícia da Mata / Divulgação / EC Vitória

 

Jogadores que entraram em campo em 2019

 

Goleiros: João Gabriel, Ronaldo, Caíque;
Zagueiros: Edcarlos, Ramon, Bruno Bispo, Gabriel Silva, Thales e Victor Ramos;
Laterais: Cedric, Matheus Rocha, Mateus, Suassuna, Capa, Arroyo*, Wellisson, Juninho, Jeferson e Fabrício;
Volantes: Rodrigo Andrade, Léo Gomes, Ronald, Hebert, Paulo Vítor, Leandro Vilela, Wesley, Farinha e Dudu Vieira;
Meias: Andrigo, Yago*, Nickson, Ruy, Jhemerson*, Lucas Silva*, 
Atacantes: Eron, Cléber, Erick, Neto Baiano e Felipe Garcia, Luan Ferreira*;

*Já não estão mais ao clube.

Fortaleza atropela Vitória em uma partida de um só time

Com gols de Edinho, Dodô e dois de Júnior Santos, o Leão cearense goleia o vitoria em casa

"Com só um time em campo, a classificação do Fortaleza parecia garantida desde os primeiros minutos de jogo".
Jogando com uma formação  ofensiva, o Tricolor cearense não deu a menor chance para o Vitoria respirar.
Júnior Santos marcou duas vezes no primeiro tempo. Aos 38 do segundo tempo, Edinho arrancou com destreza  e marcou o terceiro. Dodô fechou o pacote de chocolate  com gol de falta, aos 45. Festa na arquibancada e Fortaleza garantido na próxima fase.

Fortaleza, Vitória, Copa do Nordeste
 
Histórico

Foram 20 confrontos na história entre Fortaleza e Vitória. O Leão do Pici venceu seis, empatou cinco e perdeu nove. A equipe marcou 21 gols e e levou 34. O último confronto ocorreu também pela Copa do Nordeste, em 2010, quando o time cearense ganhou também por 2 a 0.

 

Fonte: GloboEsporte e A Voz de Camaçari

 

 

Com Capa e Dudu, Vitória divulga lista de relacionados para jogo contra o Fortaleza

Ao final do treino deste sábado, o Vitória divulgou a lista de jogadores relacionados para a partida contra o Fortaleza, marcada para esta segunda-feira, pelas quartas de final da Copa do Nordeste. Ao todo, o técnico Cláudio Tencati vai contar com 20 atletas.

Entre as novidades na lista de relacionados estão Capa e Dudu Vieira, jogadores recém-contratados pelo clube que estão regularizados e à disposição de Tencati. O treinador também manteve os garotos Paulo Vítor e Matheus Tenório, convocados pela primeira vez no último jogo contra o Náutico.

A partida entre Fortaleza e Vitória está marcada para segunda-feira, no estádio Castelão, às 21h30 (horário local). Em caso de classificação, o Rubro-Negro espera o vencedor entre Santa Cruz e CRB.

Confira a lista de relacionados para o jogo contra o Fortaleza:

Goleiros: João Gabriel e Caíque; 
Laterais: Jeferson, Matheus Rocha, Capa e Fabrício;
Zagueiros: Ramon, Edcarlos e Victor Ramos;
Volantes: Leandro Vilela, Léo Gomes, Dudu Vieira e Paulo Vítor;
Meias: Yago, Nickson, Ruy e Matheus Tenório;
Atacantes: Andrigo, Léo Ceará e Neto Baiano.

Neto Baiano vive maior jejum pelo Vitória: 440 minutos sem gols

Com histórico goleador, o centroavante Neto Baiano retornou ao Vitória em fevereiro deste ano com metas ousadas. Aos 36 anos, o maior artilheiro do Barradão, com 53 gols, afirmou que buscava se desafiar e chegar ao topo da artilharia geral do clube. A marca hoje pertence a Juvenal, que atuou no Rubro-Negro na década de 40 e fez 150 gols. Neto balançou as redes 85 vezes com a camisa rubro-negra, mas, desde que foi apresentado, não conseguiu chegar nem perto da meta. Em oito partidas disputadas em 2019, o atacante não balançou as redes.

Neto entrou em campo pela primeira vez na temporada no dia 16 de fevereiro, quando entrou no decorrer da partida contra o Ceará. O centroavante ganhou mais minutos em campo aos poucos, até conquistar a posição de titular. Ainda assim, não conseguiu marcar: chegou a 440 minutos sem balançar a rede pelo Vitória em 2019.

Nas primeiras partidas, não foram muitas as chances de marcar. Contudo, nos últimos jogos, chamaram a atenção as oportunidades claras desperdiçadas pelo atacante, situação que o próprio Neto lamentou.

 
 Em oito partidas disputadas, Neto ainda balançou as redes pelo Vitória — Foto: Maurícia da Matta / Divulgação / EC Vitória Em oito partidas disputadas, Neto ainda balançou as redes pelo Vitória — Foto: Maurícia da Matta / Divulgação / EC Vitória

Em oito partidas disputadas, Neto ainda balançou as redes pelo Vitória — Foto: Maurícia da Matta / Divulgação / EC Vitória

- Perdi bastante peso, estava com 16 de percentual [de gordura], hoje estou com 13. Estou me empenhando muito. Não posso fica dando desculpas, não eram gols para um cara como eu, experiente, perder. Assumo meus erros. Vou trabalhar mais para fazer nos próximos jogos. Era um jogo para tirar a zica. Não tirei, mas estou trabalhando muito para dar alegrias para a torcida – disse o atacante para a rádio Itapoan, de Salvador – disse Neto após a partida contra o Náutico.

Os oito jogos sem marcar em 2019 são o maior jejum de Neto Baiano pelo Vitória, contando todas as outras três passagens dele pelo clube. Com contrato curto, válido até o fim da Copa do Nordeste, o centroavante tem pouco tempo para mostrar serviço e continuar no Rubro-Negro.

O Vitória decide, na próxima segunda-feira, diante do Fortaleza, quem avança às semifinais do Nordestão. A possível classificação mantém sonho de título do Rubro-Negro e pode levar à permanência de Neto. Contudo, a derrota não só frustraria a expectativa pela conquista da competição, como pode significar a última partida do centroavante pelo Vitória.

Assinar este feed RSS

Mapa de Seções

Entretenimento

Notícias Locais

Sobre Nós

Nos Siga

×

Se inscreva e fique por dentro!

Seja o Primeiro a saber quando anunciarmos uma promoção

Check out our Privacy Policy & Terms of use
You can unsubscribe from email list at any time